Dia A Dia Da Economia - Míriam Leitão

Informações:

Sinopse

Análise diária dos principais fatos da economia com uma das mais importantes e influentes jornalistas do país.

Episódios

  • Ataques às urnas, cortes no orçamento e redução de ICMS sobre o etanol

    22/07/2022 Duração: 11min

    Míriam Leitão fala sobre os principais acontecimentos nos cenários político e econômico do país. Ela comenta as falas do presidente Jair Bolsonaro sobre o sistema eleitoral às vésperas das eleições, os cortes no orçamento do governo, e a redução de ICMS sobre o etanol.

  • Vídeo de Aras sobre eleições é forma de 'proteger e não falar sobre comportamento de Bolsonaro'

    22/07/2022 Duração: 11min

    Míriam Leitão fala sobre resposta em 'defesa' ao sistema eleitoral feita pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, depois de manter silêncio sobre reunião de Bolsonaro com embaixadores: 'atitude arrogante e insuficiente, é uma não-resposta'.

  • Com 'fiscalismo seletivo', governo 'arrebenta o teto de gastos'

    21/07/2022 Duração: 06min

    Míriam Leitão critica a postura econômica do governo federal. 'Gastam muito em algumas questões e depois fazem cortes em áreas que pensam não ter importância', conta. 'O teto de gastos foi quebrado várias vezes, como na PEC dos Precatórios e na PEC Kamikaze, criando despesas de cunho eleitoral.' Os cortes recentes do governo Bolsonaro atingiram os setores de Saúde, Ciência e Educação.

  • 'CGU deixou de ser um órgão de controle e apoia comportamento desviante do presidente'

    21/07/2022 Duração: 05min

    Míriam Leitão repercute as manifestações em defesa da Justiça Eleitoral pelo ângulo da resistência dos servidores e a cumplicidade dos comandos dos órgãos. A comentarista também fala sobre as estruturas de AGU e CGU em defesa da tese de Bolsonaro: 'órgãos estão desrespeitando o papel institucional deles'.

  • Qual efeito político da queda da inflação?

    20/07/2022 Duração: 07min

    Míriam Leitão fala sobre o impacto política da queda da inflação: 'quando a inflação cai, ela pode devolver a popularidade do governante, mas não necessariamente'. 'Isso aumenta a possibilidade de ter 2º turno, mas não necessariamente de virar o jogo eleitoral', diz a comentarista.

  • Plano do governo para reduzir o preço dos combustíveis adia a meta ambiental

    20/07/2022 Duração: 06min

    Míriam Leitão fala sobre a redução da gasolina e a possibilidade de deflação nos meses que antecedem a eleição: 'governo quer se beneficiar politicamente'. A comentarista também discorre sobre os impactos nas metas ambientais.

  • 'Que investidor pode ter confiança em um país onde o presidente comete tantos crimes?'

    19/07/2022 Duração: 07min

    Miriam Leitão fala sobre as consequências econômicas das falas do presidente Jair Bolsonaro com os embaixadores no encontro desta segunda-feira: 'ele cometeu tantos crimes e desrespeitou tantas leis, que é impressionante que nada aconteça'. A comentarista menciona os códigos de lei infringidos.

  • 'Quem vai parar o golpismo de Bolsonaro?'

    19/07/2022 Duração: 05min

    , questiona Míriam Leitão. A comentarista fala sobre o presidente Bolsonaro que usou a estrutura do Palácio da Alvorada e da TV Brasil, que é paga com dinheiro público, para repetir narrativa golpista a embaixadores e representantes diplomáticos. ‘Bolsonaro superou a si mesmo na quantidade de absurdos num mesmo dia, num mesmo ato’. Comentarista acrescenta que o presidente ameaçou o processo eleitoral e comete crime de responsabilidade. 'O presidente desenhou como ele quer fazer o golpe contra as instituições brasileiras, o golpe contra as eleições brasileiras'.

  • 'Tudo isso está levando o mês de julho para deflação'

    18/07/2022 Duração: 08min

    Míriam Leitão fala sobre o anúncio dois estados de redução do ICMS sobre o etanol. São Paulo passa de 13,3% para 9,57%. Minas Gerais passa de 16% para 9%. Ela explica que ‘todas essas medidas de redução de impostos estão já refletindo sobre a inflação. O mês de julho terá deflação’. Ela acrescenta que ‘isso não significa que isso é sustentável’. Míriam Leitão destaca que o ano de 2022 está melhorando e tudo piorando para o ano que vem. ‘Muitas dessas medidas são absolutamente artificiais , apenas para o período eleitoral’.

  • Apesar do evento com diplomatas, 'objetivo de Bolsonaro fracassou'

    18/07/2022 Duração: 06min

    O presidente se reúne hoje com embaixadores estrangeiros para desqualificar as urnas eletrônicas. Ele fala em mais e 40 nomes confirmados, mas Míriam Leitão destaca o fracasso nos seus objetivos eleitorais. Além da ausência das principais representações, os presidente do TSE, Edson Fachin, e do STF, Luiz Fux, não confirmaram presença. 'Não vão os principais e não vai conseguir o constranger o presidente do TSE', aponta Míriam.

Página 2 de 2